segunda-feira, 29 de junho de 2009

Xenofobia

Eu não quero mais ser turista
dentro dos teus olhos
quero que o meu visto assista
os carimbos de moradora
trabalhadora
contribuinte
amante, amada
quero ter o passaporte guardado na mala
por jamais ter que mostrá-lo a ninguém:
nativos não mostram passaporte.
Quero uma licença de naturalização
quero que meus traços combinem com os de quem já é daí
quero que você me ame, me tenha como tua
quero que você me queira
quero viver em ti.

2 comentários:

Thai :* disse...

Juro que me deu uma vontade danada de ter escrito esse texto. Tá lindo, como todos os outros!

gato preto disse...

QUE LINDO!
mesmo. adoórei!