sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Áurea

- ... tudo devido aos compostos nitrogenados.
- Eu não acredito nisso, Áurea!
- E você está apaixonada, Julinha?
- Estou.
- Me diga, o que você sente quando vê a criatura, hein?
- Ah, professora, que coisa mais constrangedora...
- Palpitações?
- Sim...
- Suores na mão?
- É... sim...
- O nózinho no estômago?
- Uhum...
- Então! Quando você vê o ser amado, o seu cérebro emite alguns compostos orgânicos nitrogenados que geram todas essas coisas. Comprovado cientificamente. O que ainda não descobriram é o que faz com que esse rapaz te desencadeie todas essas reações, e não qualquer outro por aí.

Um comentário:

Gu disse...

Quando puderem explicar,
- com ciência e sem balelas -
como o amor acontece,
eu jogo fora meu caderno de poesias inacabadas
e vou estudar biologia.